“Serena”, bola fora de Ian McEwan

Acabei Serena, romance de Ian McEwan lançado “mundialmente” entre nós pela Companhia das Letras, como diz o selo colado à capa. Ainda não saiu no inglês original no país do autor, certamente porque nós, emergentes dos BRICs, já temos muito mais livrarias do que a grande Buenos Aires; trocadilhando, imbricamos de vez no primeiro mundo […]

Read more "“Serena”, bola fora de Ian McEwan"

Lobotomias

O que é ideologia, opúsculo de madame Marilena Chaui, é a literatura mais deformante que pode haver. Algumas vítimas desse flit paralisante mental babam até a hora da morte, incapazes de procurar o conhecimento de forma autônoma e pensar por conta própria. Os meninos o leem e, Shazan!, desvelam o mundo real encoberto pela aparência […]

Read more "Lobotomias"